quinta-feira, 26 de fevereiro de 2015

Como cultivar Orquídea?


No Brasil sempre tive jardim em casa, aqui na Alemanha por se morar em apartamento temos que apostar no vasos, e com o inverno precisamos de plantas em casa para dar uma vida ao ambiente e sair da monotonia do cinza. Ganhei essa Orquidea do meu marido ela é linda além de tem um perfume muuuuuuuito bom, o ambiente onde ela está fica com o perfume dela. 
Comecei a ter interesse em como cultivar essa planta linda. Posso dizer a vocês que existe muitos tipos de espécies de Orquideas, mais existem dicas gerais de como cultiva-la.
O grande segredo delas é que em seu ambiente natural elas crescem sob as árvores nas cascas e normalmente nos trópicos, tem assim as condições perfeitas para seu desenvolvimento. Para cultivá-las de forma correta temos que "simular" esse ambiente:
  • Ambiente: um lugar fresco, arrejado e que a luminosidade seja 50% (lembrar que as copas das árvores as protegem da iluminação direta do sol).
  • Vaso: vaso de barro que é furado nas laterais ou de plástico que támbem é furado, no fim do vaso você pode coocar material que ajude a absorver água como por exemplo:brita, argila extendida e isopor. Porque? pois esse vasos possibilitam que a água escorra, um dos grandes erros é deixar a raiz com água o que faz com que a raiz apodreça.
  • Que tipo de substrato usar? após colocar o material que ajuda absorver a água, coloque o substrado até a borda do vaso, este pode ser a fibra de coco pois fornece nutrientes, aeração da raiz e absorve água. Mais pode ser usados outros como cascas de madeira ou de barro, xaxim, entre outros... cada um fornece uma propriedade diferente indico esse Site que fala mais sobre os substratos.
É importante trocar o substrato a cada 2 anos para renovar o fornecimento de nutrientes.
Os sites que eu indico e que usei como referência: comocultivarorquideas e orquideasnoape

Espero que ajudem a vocês a cultivar essas maravilhas de plantas, que na verdade não =e tão complicada como falam.

Beijos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário